banner-pagina

Tem Palhaço no Hospital

A arte nos torna vivos, transforma realidades e aprimora as relações. Estar disponível e aberto para que as relações se tornem possíveis é uma das principais características do palhaço, que atua com inocência, irreverência e sua habilidade natural de fazer graça. Quando este arquétipo entra em ambientes adversos como o do hospital, grandes encontros podem acontecer. O palhaço pode potencializar os sentimentos e evidenciar a função social do artista. Essa oficina é voltada para atores, palhaços e indivíduos que queiram entender e aprimorar a presença do palhaço no hospital, através de jogos cênicos, exercícios clown e troca de experiências sobre arte e saúde.

Ministrante:

Geison Aquino é fundador da trupe Doutores P – Multiplicadores da Alegria de Venâncio Aires/RS e ator do Teatro Mototóti de Porto Alegre. Além de atuar durante 10 anos como palhaço em hospitais, realizou cursos e oficinas com grandes nomes da área, como Raul Figueiredo e Roberta Calza (Doutores da Alegria, SP), Cícero Silva (Ateliê do Titetê, MG), Michael Christensen (Clown Care Unit, EUA) Ivan Prado (Pallaços em Rebeldia, ESP)

Para maiores informações: historias@motototi.com.br

mototóti

emailteatro@motototi.com.br email(51) 98124.9648 - 99764.3331

Porto Alegre - RS / Brasil